Estratégia é vantajosa para os dois lados e pode aumentar as vendas e a base de clientes.

 

A parceria entre marcas, também conhecida como co-branding, é uma prática antiga do mercado. Esse tipo de união já foi responsável pelo lançamento de diversos produtos criativos e inovadores. É uma relação em que os dois lados ganham, mas, para isso, é fundamental conhecer a sua empresa e a do seu parceiro.

 

Não há como negar: a prática apresenta diversos benefícios. No entanto, deve ser pensada de maneira estratégica, para que todos sejam beneficiados pela ação. Veja as vantagens da parceria e como criar um projeto para a sua empresa.

 

Quais são as vantagens da parceria?

Uma das grandes vantagens de lançar um projeto de co-branding é a divisão de tarefas e mão de obra. Afinal, são duas equipes trabalhando com o mesmo foco. Dessa forma, há uma redução nos custos, além da ideia sair mais rápido do papel.

 

Ao lançar o projeto no mercado, o objetivo é atingir uma parcela de potenciais clientes da empresa parceira. Essa vantagem é válida para os dois lados e o resultado da união é o aumento de vendas.

 

Por isso, quando se fala em parcerias empresariais, as vantagens são palpáveis. Enquanto o investimento e o trabalho são divididos, os resultados são multiplicados.

 

Quando lançar uma parceria?

Criar uma parceria entre marcas é falar a todo momento sobre estratégia. Nesse sentido, não há fórmula mágica para definir a melhor fase para um empreendimento lançar esse tipo de projeto. Isso dependerá de diversos fatores, como o nicho de atuação da empresa, por exemplo.

 

A data precisa ter um significado e a parceria precisa fazer sentido de alguma forma. Uma das escolhas comuns são datas comemorativas, como o Natal. Este já é um  período em que os consumidores estão propícios a gastar, então, é uma boa ideia aproveitar essa oportunidade para alavancar as vendas.

 

Ao optar por uma data comercial, como Dia das Mães e Dia dos Namorados, é imprescindível fazer um planejamento detalhado. O timing será essencial para lançar o projeto no momento certo e conseguir os resultados aliados a data comemorativa. Para isso, departamentos de marketing e relações públicas serão fundamentais.

 

Como criar uma parceria de sucesso?

Pesquisar sobre algumas parcerias já estabelecidas pode ajudar na hora de criar um projeto para a sua empresa. Em geral, a colaboração acontece entre empreendimentos do mesmo ramo, mas com serviços e produtos complementares.

 

É importante que as partes apresentem algum ponto em comum, que pode ser em relação ao público, ao produto ou ao serviço que oferecem. Tão importante quanto vender para esses consumidores em potencial, é o diálogo das marcas com eles.

 

Faça uma lista com potenciais parceiros

O primeiro passo para desenvolver uma parceria é listar todas as empresas que podem ser potenciais parceiras em um projeto. Analise a cultura do empreendimento também, pois é importante que as duas partes defendam as mesmas causas. Isso evitará desentendimentos futuros.

 

Como dito anteriormente, as instituições não precisam atuar exatamente da mesma forma, mas devem se complementar. Um empreendimento pode suprir as necessidades do outro. Dessa forma, a parceria agrega e não cria um concorrente. O foco da estratégia deve ser o consumidor final, que precisa ter suas necessidades atendidas.

 

Analise o que pode oferecer à empresa parceira

Da mesma maneira que analisou o seu possível parceiro, faça uma lista identificando o que a sua empresa pode oferecer. Condições especiais ou vantagens exclusivas: verifique o que pode ser um diferencial. Afinal, essa é uma relação de troca, em que os dois devem colaborar para atingir um objetivo comum.

 

Crie uma proposta

Depois de analisar tanto o seu negócio, quanto o de seus potenciais parceiros, é o momento de criar uma proposta para apresentar. Lembre-se: os benefícios devem ser mútuos para que o projeto seja interessante para as duas partes.

 

Não encare a sua proposta como uma ideia fechada. Esteja aberto para receber sugestões e entender melhor como as partes podem se beneficiar. Os dois lados devem ter responsabilidades e vantagens. Assim, formalize todos os detalhes referentes à parceria.

 

Para que o co-branding funcione, é importante definir o papel de cada um dentro do projeto. Desenhar um plano de ação detalhado é uma boa maneira de fazer isso. Assim, todos estão cientes da própria função e de quando devem desempenhá-la.

 

Mensure os resultados

Depois de lançar o projeto de acordo com o plano de ação, a equipe deve focar os esforços na mensuração de resultados. Com os dados em mãos, ficará visível se a ação foi positiva e o que pode ser melhorado em uma parceria futura.